Garoto Hétero - 1ª Parte: Hétero na Prisão - Capitulo 01



Oi gente. Sempre li contos aqui, e agora resolvi escrever um conto também. espero que gostem.
Essa história vai ser dividida em duas partes.

CAPITULO 01

Minha mãe costumava me dizer que um dia meu rosto me colocaria em problemas.

Parecia que hoje era esse dia.

Mantendo os olhos baixos, eu segui o guarda para minha cela, sentindo-me desconfortável e estranho em meu macacão novo. Como um criminoso.

Eu quase riu de mim mesmo. Eu era um criminoso agora, depois de ter sido condenado a um ano de prisão por dirigir sob a influência de bebida e ferir outra pessoa. Tinha sido um acidente, mas ninguém se importava. Bem, eu me importava, e Laura — minha namorada — também, e minha mãe chorou quando a sentença foi lida.

Engoliu em seco, lembrando-me da expressão esmagada de minha mãe. Ela parecia tão pequena e velha de repente, e era culpa minha. Ela sempre se preocupava muito comigo.

Empurrei o pensamento para longe, tentando ignorar os outros prisioneiros batendo contra as barras e suspirando enquanto passava. Eles estavam gritando obscenidades que fizeram meu estômago torcer em nós e bílis subir para minha garganta.

Eu esperava que não fosse óbvio como eu estava assustado. Eu não sou exatamente magro e baixo — eu sou mais alto do que a média, e tinha alguns músculos decentes — mas eu não sou tão grande quanto alguns desses caras. Eles foram construídos como tanques. A verdade seja dita, estava completamente aterrorizado, e mais uma vez, queria me chutar por ficar bêbado e acabar nesta confusão. Quando eu saísse daqui, nunca mais iria ficar bêbado novamente — se saísse daqui. eu estaria compartilhando sua cela com alguém que provavelmente era mais forte, mais duro e mais malvado do que eu — com um verdadeiro criminoso.

O guarda me empurrou para dentro da cela. A porta se fechou e trancou atrás de mim com um alto e de alguma forma antipático clique.

Molhei meus lábios, olhando para meu companheiro de cela.

O cara estava deitado na cama de baixo, com os olhos fechados, então aproveitei a oportunidade para estudá-lo. Ele era alto e bem construído. Cabelo escuro, ligeiramente encaracolado, nariz torto, sobrancelhas espessas, pele naturalmente bronzeada. Ele parecia quase hispânico, mas não completamente. Ele provavelmente tinha cerca de trinta anos, talvez trinta e cinco no máximo.

- Você está me encarando? - O cara disse, sem abrir os olhos.

Me encolhi. - Hum, sim. Desculpa.

- O beliche superior é meu. - O cara disse

Eu queria perguntar por que ele estava deitado em meu beliche, então, mas eu tinha que morder a língua.

Ser inteligente não era provavelmente uma boa ideia.

- Eu sou Jason. (Esse é o meu nome)

O cara abriu os olhos. Eram profundamente castanhos e estranhamente intensos. Seu olhar me varreu antes de persistir em minha boca. - Prazer em conhecê-lo, Jason. Quão bem você chupa um pau?

Eu corei, recuando. - Eu sou hétero. - falei

O cara levantou as sobrancelhas, parecendo vagamente divertido. - Todo mundo é hétero aqui, Olhos Azuis. - falou ele

- Eu tenho uma namorada! - eu disse

O sujeito não parecia impressionado. - A maioria de nós tem esposas e namoradas em casa. - Ele saiu do beliche. Um predador. Ele parecia um predador.

Com o coração em minha garganta, eu recuei.

Mas em vez de me molestar, o sujeito esticou a mão para um aperto de mão. - Sou Diego.

Perplexo, sacudi a sua mão cautelosamente.

- Provavelmente foi um longo dia para você - disse Diego. - Vá dormir. Ninguém anda por aí durante a noite.

- Sim, ok, - eu disse, imensamente aliviado. O cara tinha estado provavelmente apenas brincando quando ele disse coisas sobre chupar seu pau. Claro que ele estava brincando.

- Eu não vou te foder hoje à noite, - disse Diego. - Boa noite.

Eu piscou. - O que—? Você não vai me foder, cara!

Diego sorriu. Foi um sorriso surpreendentemente agradável, os dentes brancos e até mesmo. Ele se aproximou de mim até que nós não estivessem nem um centímetro à parte. Eu engoliu em seco, consciente de que o sujeito era mais alto que eu e muito mais largo nos ombros.

- Vamos cortar a perseguição, - Diego disse suavemente, olhando-o nos olhos. - Eu vou te foder. Vai acontecer e é melhor você se acostumar com a ideia. Você tem sorte de estar comigo. Eu não vou te machucar, eu não vou me forçar em você, e eu vou te proteger dos outros — se você chupar meu pau bem. Acredite, os outros caras não serão tão gentis quanto eu.

- Se você não vai me forçar, isso não vai acontecendo, - eu disse, tentando manter a voz firme. - Desculpe, mas eu sou muito sincero. Eu tenho uma namorada que eu amo.

Por alguma razão, isso fez Diego rir. - Você tem sorte que é chato pra porra aqui e eu adoro um bom desafio.

Antes que eu pudesse dizer alguma coisa, Diego subiu no beliche superior e logo adormeceu.

Fiquei parado, sem olhar para o nada por um longo tempo.

Eu mal dormi naquela noite.

A manhã seguinte veio cedo demais para meu gosto.

Mas não era tão ruim quanto eu esperava — e temia.

Bom galera, esse foi o primeiro capítulo. Se vocês gostaram deixem


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario morsolix

morsolix Comentou em 29/01/2017

Olá.Li com interesse sua novela. Desconheço o universo porque cada autor quase escreve aquilo que conhece,domina ou faz uma uma ideia.Sua ideia é interessante.Só discordo de uma coisa: O personagem principal sempre está numa posição passiva,vitima,o que aceita,parece mocinha.Mas no geral você conduz bem,salvo guardo o estereotipo da prisão.Diria que seria uma prisão nos Estado unidos.No Brasil os dois já teria sido execrados.




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


95836 - Garoto Hétero - 1ª Parte: Hétero na Prisão - Capitulo 02 - Categoria: Gays - Votos: 19
96232 - Garoto Hétero - 1ª Parte: Hétero na Prisão - Capitulo 03 - Categoria: Gays - Votos: 7
96234 - Garoto Hétero - 1ª Parte: Hétero na Prisão - Capitulo 04 (Penúltimo da 1ª Parte) - Categoria: Gays - Votos: 13
96311 - Garoto Hétero - 1ª Parte: Hétero na Prisão - Capitulo 05 (Último da 1ª Parte) - Categoria: Gays - Votos: 10
96312 - Garoto Hétero - 2ª Parte: Faminto - Capitulo 06 (Primeiro da 2ª Parte) - Categoria: Gays - Votos: 9
96313 - Chupando o Amigo Dormindo - Categoria: Gays - Votos: 8

Ficha do conto

Foto Perfil alex-mander
alex-mander

Nome do conto:
Garoto Hétero - 1ª Parte: Hétero na Prisão - Capitulo 01

Codigo do conto:
95828

Categoria:
Gays

Data da Publicação:
19/01/2017

Quant.de Votos:
13

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


contosmendigogaypauzao para meu marido e eu, exibidaConto erotico-fodendo a infermeira e engravideiconto de farmaceutico pornoultimos contos sadomasoquistafodendo na águaporno da freira em quadrinhoconto decu de esposa traindo com camioneiocontos erotico japonesa coroameu inquilino roludo aronbou minha esposa contoquadradinho erotico incesto COM HUMORconto erotico nao resisti e comi minha filhaconto erotico gay iniciando incesto enganei inocentedei pro meu enteadoconto erotico gay dando para um homem suadoultimos contos sadocontos eróticos com fotos descobrindo minha ruivaConto erotico gravidaContos eroticos de primas submissa por primos no sexocorno de caminhoneiro contosbucetas mais gostosasquadrinho erotico fodida aforca e apanhandolesbicas conto heroticodeficiente foda mozMeus gemeos pauzudoscunhada safada bota chifre na irma,contos e relatos eroticosconto minha amiga bebendo porra do meu maridocontos eroticos o empregado do nelsoncartoon porno mae e filhocontos eroticos historia de mordomocasal resem casado filma tirando cabaco da esposa tia pelada no banhopai pegou a filha Barbuda transando e meteu a rola nela tambémtesao cheferealisei fantasia do corno fudendo com tres roludos xvideosencoxada no ônibuscontosexoeroticoHistorinha de quadrinho pornorenatagostosacdzinha contosconto porno mundos paralelosdotado do bate papo contoconto erotico usadoContos animados papai tio e padrinho me foderam muito quando novinhaContodeputacontos eroticos ambientados no nordestehiperdotados contos eroticosmenina.motara.abucetaultimos contos sadoela nao aguento mais pus tudo conto pornopauzao do negao no meu rabo contosutimoscontoscontos eróticos de homens com camioneiros maludosDei bucetzzcontos eroticos elexele no cinemaconto erotico gay meu sobrinho me fodeu no hotelmorena quebro o carro e meteu com um pauzudopaguei caguei boca da puta sexo scat contotransei com pica gostoso do meu aluno deliciaporno brasileiro homem arregaçando o cu apedadihorelatos de maes que fuderam com seus filhoscontos erotivos comendo sogra e esposa juntasconto de encesto filho rasgou abucetinha da sua maelésbicas chupando a b***** de carreteiraConto gay pai bundudoconto erotico comi a gravidaconto incesto nao mestruavaMe insinuei para meu genro da rola grande contos femininodando um trato a vizinha do lado quadradinho eróticofodi um gay do cu lisinho em sjccontoMae tirando a virgindade do filho hq pornocontos eroticos velha gorda e guriconto de sexo com bem dotado