Aconteceu Amor - Cap. 32

Cap. 32 Reencontros


   Por dois dias tudo estava tranquilo, ninguém me perturbou. Nem Flávio, nem Mariana, nem mesmo Fábio, que já não me ligava há muito tempo mesmo. Também não saí de casa pra não ter o infortúnio de encontra-los.
   Minha mãe sabia que tinha algo acontecendo comigo, e se incomodava de me ver trancado em casa, do quarto para a sala.
   Eu só pensava no próximo ano, já era Dezembro, faltava pouco mais de um mês para começar minhas aulas. Mas estava difícil distrair com alguma coisa.
   Minha mãe, já estava praticamente noiva, o namorado dela era um quarentão enxuto, alto, moreno claro, e os óculos lhe deixavam com uma cara intelectual, se dava muito bem com minha mãe, isso me deixava feliz. Rômulo era seu nome, ele tentava se aproximar de mim, queria que eu o aprovasse, e permitisse fazer parte da família. O que não foi muito difícil, ele era divertido, me respeitava, e me dava conselhos sábios.
   Num domingo, minha mãe pediu que fosse no mercado com Rômulo para comprar umas bebidas, algumas coisas que faltavam pro almoço. Compramos tudo certinho, mas na saída encontrei com Flávio e Marcos, o amigo grandão dele.
- Eae maninho! - Disse Marcos.
- Oi, Marcos! - Disse eu sorrindo.
- Não vai me dar um abraço? - Disse ele abrindo os  braços.
   Dei um passo a frente e ele me abraçou forte, me suspendendo do chão, e fiquei um pouco sem jeito.
- Oi Dilan! - Disse Flávio.
- Oi! - Respondi me afastando.
- Dilan vem comigo lá em casa, o Marcão vai também! -
- O Dilan não vai poder ir, a Laura está nos esperando. - Disse Rômulo passando o braço em volta de mim, me trazendo para perto dele.
- E quem é você? - Perguntou Flávio estreitando os olhos.
- Sou o pai do Dilan. E você deve ser o Flávio? -
- Ah pai! É isso mesmo senhor, eu sou o Flávio! -
    Ele colocou o rabinho entre as pernas, gostei da forma protetora de Rômulo, não me importei dele dizer que era meu pai. Na verdade eu gostei da idéia de ter um pai, pra proteger, aconselhar.
- Então Dilan, vem comigo pra minha casa, o Marcão também vai, a gente tá pensando em fazer um almoço. Você podia ajudar a gente. -
- Ele não vai poder ir, a Laura está esperando por nós. Vamos! -
   Assenti com a cabeça e apenas sorri para Marcos, caminhando lentamente até o carro. Enquanto Flávio me seguia com seu olhar.
   No carro foi impossível conter meu riso, vendo a cara de cachorro abandonado do Flávio.
- Então você é meu pai? -
- Desculpe se não gostou... -
- Claro que gostei Rômulo, pra mim você já é da família, e eu conto com você pra fazer minha mãe feliz. -
- Do que depender de mim vamos ser uma família muito feliz. - Rômulo afagou meus cabelos.
   Em casa contei a mamãe, enquanto ela terminava um peixe assado divino. Eu aprendi a cozinhar com ela. Então enquanto almoçamos, nos divertimos com histórias, lembraças.
   Um dia tranquilo, até as quatro da tarde, eu tinha acabado de tomar banho por causa do calor insuportável. Peguei um livro e fui me sentar as sombras de uma jabuticabeira que tinha em frente de casa. Estava lendo distraído, quando observei o carro de Flávio se aproximar. Ele desceu e ficou de frente pra mim, segurando as grades do portão.
- Oi! Vim te buscar. - Disse ele com seu sorriso que já não me encantava mais.
- Pois deu viagem perdida. -
- Dilan, você tem que me dar uma chance de me aproximar de você. -
- Eu não tenho que te dar nada. -
- Quando você vai entender que a gente tem que ficar juntos. Fomos feitos um para o outro. -
   Comecei a rir, enquanto ele ficava nervoso, ele era muito discarado. Eu nem devia estar rindo, mas a situação, seu discurso era ridículo.
- Para Dilan você sabe que é verdade, eu nunca me humilhei para ninguém. Você é o único que faz de mim o que quer... -
- Ahh por favor Flávio, eu faço de você o que eu quero. Deixa de ser dissimulado. -
- Você fica negando pra você mesmo a verdade. -
- Flávio você é meio psicopata, só pode! Você vem com esse jeito de cachorro arrependido, e na primeira oportunidade você mostra quem você realmente é. -
- E quem eu sou? -
- Um idiota, manipulador, doente, asqueroso. Quer mais elogios? -
- Parece que você gosta mesmo de quando eu me descontrolo. Acho que você que é masoquista. Todos já seguiram em frente e você aí, se forçando a sofrer. -
   Eu me levantei e fui até as grades ficar cara a cara com o imbecil.
- Quem você pensa que é, pra falar isso de mim? O que você sabe da minha vida? -
   Flávio enfiou o braço pelas grades me alcançou o braço, e me puxou, ele me segurou, me apertando contra as grades e me beijou, meu corpo e o dele contraído contra as grades que nos separava. O beijo durou alguns segundos até que eu recuperei do susto. E o mordi nos lábios. Ele me soltou.
- Eu sou o primeiro e único homem da sua vida, eu te conheço por dentro e por fora e você não pode mais negar o que sente por mim. - Disse Flávio, com seu olhar ameaçador, o verdadeiro Flávio.
- Idiota! Imbecil! - Gritei. - Sai daqui agora. -
   Corri para dentro de casa, deixando ele pra trás, meu corpo tremia, meu coração parecia que ia sair pela boca. Um misto de raiva, medo, tristeza, e sentimentos que eu não conseguia entender.
   Eu não quero e não vou voltar pra ele. Mesmo que ele fosse o último homem do universo, eu não deixaria ele me enganar.


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario flyrj19

flyrj19 Comentou em 04/04/2015

Esse Flávio é muito sem noção , na moral k




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


44966 - Aconteceu Amor - Cap. 1 - Categoria: Gays - Votos: 10
44968 - Aconteceu Amor - Cap. 2 - Categoria: Gays - Votos: 7
45153 - Aconteceu Amor - Cap. 3 - Categoria: Gays - Votos: 8
45409 - Aconteceu Amor - Cap. 4 - Categoria: Gays - Votos: 9
45728 - Aconteceu Amor - Cap. 5 - Categoria: Gays - Votos: 6
45858 - Aconteceu Amor - Cap. 6 - Categoria: Gays - Votos: 9
45949 - Aconteceu Amor - Cap. 7 - Categoria: Gays - Votos: 5
46018 - Aconteceu Amor - Cap. 8 - Categoria: Gays - Votos: 9
46174 - Aconteceu Amor - Cap. 9 - Categoria: Gays - Votos: 4
46175 - Aconteceu Amor - Cap. 10 - Categoria: Gays - Votos: 6
46260 - Aconteceu Amor - Cap. 11 - Categoria: Gays - Votos: 5
46314 - Aconteceu Amor - Cap. 12 - Categoria: Gays - Votos: 7
46557 - Aconteceu Amor - Cap. 13 - Categoria: Gays - Votos: 3
46558 - Aconteceu Amor - Cap. 14 - Categoria: Gays - Votos: 3
46675 - Aconteceu Amor - Cap. 15 - Categoria: Gays - Votos: 3
46698 - Aconteceu Amor - Cap 16 - Categoria: Gays - Votos: 4
46805 - Aconteceu Amor - Cap. 17 - Categoria: Gays - Votos: 5
46929 - Aconteceu amor - Cap. 18 - Categoria: Gays - Votos: 5
47198 - Aconteceu Amor - Cap. 19 - Categoria: Gays - Votos: 4
47462 - Aconteceu Amor - Cap. 20 - Categoria: Gays - Votos: 3
47510 - Aconteceu Amor - Cap 21 - Categoria: Gays - Votos: 3
49560 - Aconteceu Amor - Cap. 22 - Categoria: Gays - Votos: 7
51372 - Aconteceu - Categoria: Gays - Votos: 3
51373 - Aconteceu Amor - Cap. 23 - Categoria: Gays - Votos: 2
51584 - Aconteceu Amor - Cap. 24 - Categoria: Gays - Votos: 5
51940 - Aconteceu Amor - Cap. 25 - Categoria: Gays - Votos: 2
51941 - Aconteceu Amor - Cap. 26 - Categoria: Gays - Votos: 5
52476 - Aconteceu Amor - Cap.27 - Categoria: Gays - Votos: 5
52543 - Aconteceu Amor - Cap. 28 - Categoria: Gays - Votos: 6
61296 - Aconteceu Amor - Cap. 29 - Categoria: Gays - Votos: 5
61658 - Aconteceu Amor - Cap. 30 - Categoria: Gays - Votos: 4
62452 - Aconteceu Amor - Cap. 31 - Categoria: Gays - Votos: 4
63142 - Aconteceu Amor - Cap. 33 - Categoria: Gays - Votos: 2
64935 - Aconteceu Amor - Cap. 35 - Categoria: Gays - Votos: 9
64953 - Aconteceu Amor - Cap. 34 - Categoria: Gays - Votos: 2
89459 - Aconteceu Amor - Cap. 36 - Categoria: Gays - Votos: 6
89501 - Aconteceu Amor - Cap. 37 - Categoria: Gays - Votos: 7
90253 - Aconteceu Amor - Cap. 38 - Categoria: Gays - Votos: 4

Ficha do conto

Foto Perfil erotika
erotika

Nome do conto:
Aconteceu Amor - Cap. 32

Codigo do conto:
63141

Categoria:
Gays

Data da Publicação:
03/04/2015

Quant.de Votos:
1

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


conto erotico gay molequeconto erotico o dotado e tarado me arrebentousedutoras e marrentas parte 4 contos eroticospau duro amadorconto erotico flagraconto gay dormia todo dia a pica do irmão na boca. eea uma delicia. mamava antes de dormirpono gay negao em quadrinhoscontos eroticos esfolando o rabao das gordas feiasParabéns maior buceta negra presenciado bonito do mundoa bela adormecida peladacontos eróticos na famíliatio e sobrinhaconto sexo so dpu cuvídeo de sexo com iníciado lésbicas Xivideos so fodas gozando no cuultimos conto sadopirocas de jumentoultimos contos sadomasoquista1820 anos toda pelada tomando banho na banheira bem gostosa mostrando o bucetãocontos dando o cu pra mulecada gay pornFui traido por um negao relatoscontos eroticos gay visinhocontos com fotoscfm casadastruyen tranh sex milftoon lam tinh Voi me trong sieu thiFotos incesto em familia brazilcomendo a cumadre do meu pai quadrinhos pornoconto erotico esposa entalada até o sacocasada que fes zoofilia pela primera vesPÉ DE MESA COMENDO A MAE CANTOS EROTICOS VERIDICOSaula de masturbacao contoconto erotico grindrenteada lavano ropa xvidiocontos de cdzinhamatinhocontosporno gay priminhobundudoconto banho no quintal com tia peladapadeiro pauzodocontos a novinha eo negaoconto erotico virei uma linda transexcontos com fotoscfm de casadas bucetudasbuceta aberta em tambabaConto erotico de meninacontinuação do conto erótico de incesto eu so fudia a buceta da minha filha eu ainda não tinha fundido seu cu virgem eu disse pra minha esposa que eu fudia a buceta da minha filha minha esposa disse pra eu fuder minha filha na sua frente eu comecei a fuder a buceta da minha filha minha esposa tirou sua roupa eu fudi elas duas juntas eu depois eu levei minha filha pro motel pra eu tirar a virgindade do cu delaContos eróticos de incesto mamae gulosa mamando no pauzaos dos seus filhos e de mais cinco negao em um gang bangcabeça do pinto engeadaconto esposa quer emprenhartudas hentai em quadrinhoseu e minha amiga nos mastubarmos conto eroticoxvideis 2017comi a minha tiaconto erotico na faculcom professoraContos eroticos virei puta do meu sogroporno Emmylle gostozinhacontos de madrasta catigando enteada com penis de borrachaContos eroticos de comi minha vóutimoscontosxvideo corno pagar o amingo pra come sua esposa e fica olhado -youtube -site:youtube.comcontoerotico.eu e mamae fomos fodidas a força como cadelas pelo meu professorconto erotico no dia seguinte eduardo veio me buscar pela manhamulheres biscatinhas peladinhascontos eroticos tia x sobrinhoConto erotico gay o porteirocontos eroticos amigos do meu maridoquadrinho erotico a minha vizinha branquelaContos sou casada e chupei dois caralhos ao mesmo tempoConto eroticos de carnaval 2017 dando o cu na foliafui na casa da minha cunhada para buscar ela mas ela pediu para mim levantar o zíper do vestido dela o que aconteceucontos eroticos velhos picarudosvi minha mae ser aregasada contosConto erótico gay - Aconteceu Amor Cap. 37contos incesto eroticos papai posso ficar com meu namorado aqui em casahentai amigo negro do meu filho 4video porno comendo a empregada gostosacontos de corno minha esposa me trocou por outrocontos eroticos menina safada de 9conto erotico minha esposa adora conta as foda dela e eu flaguei elacontos eroticos de princesas sendo desfloradas Porno contos familhas incestuosas boquinas e maozinhas das suas meninas delicia dos pais