Quem manda ser curioso final

        Seu Chico me levou para seu quarto, mandou eu tirar a roupa, estava com medo sabia da dor dele me penetrar não queria, mais era moleque, tirei, ele me deu uma tanguinha e uma camisolinha, mandou eu vestir, eu coloquei, ele me deitou na cama dele, ficou só de cueca e começou o martírio puxou a calçinha para o lado e tome linguada no cu, ficou me chupando mordendo minha bunda enfiando o dedão no meu cuzinho me fazendo gritar, ate que pegou um creme na gaveta do lado da cama untou meu cuzinho, colocou um travesseiro debaixo dos meus quadris deixando meu rabão bem arrebitado tirou a cueca e então me assustei de novo com o tamanho daquele caralho passou aquele creme encostou o cabeção na portinha do meu cuzinho e disse relaxa minha gostosinha que o pirocão do teu macho vai entrar todinho agora, só senti a pressão e aquela dor e ardência começaram, eu comecei a chorar pedir para ele parar, ele só gemia, elogiava meu cuzinho e enterrava ate eu sentir o sacão na porta do meu cuzinho, o cara estava doido socava, metia como se eu fosse adulto, sentia meu cu sendo arrombado, e socava, gemia me batia na bunda até que urrou e começou a gozar, dali ele saiu, me fez chupar o resto do leite que saia do pirocão, me levou para o banheiro me lavou o rabo ainda meteu mais um pouco me fazendo sentar sobre aquele cacetão, eu já nem me importava tudo doía, então nos arrumamos ele me levou para a cozinha me deu um lanche e disse que ele me comeria sempre que tivesse tesão e que era para mim ficar quieto senão ele iria dizer que eu era o viadinho da redondeza e que ficava se oferecendo para ele que era viúvo, foi então que passei a dar para seu Chico com certa freqüência, com isso meu corpo começou a se transformar, meus peitinhos começaram a se desenvolver mais que deviam, minhas coxas ficaram mais grossas e meu rabo cresceu mais ainda, com isso meus irmãos começaram a desconfiar, já que eles me viam sem roupa no banho que nos tomávamos juntos no riacho, um dia me seguiram e me viram entrando na casa de seu Chico, ficaram olhando pelas frestas da janela e me viram de calçinha e camisola, mamar e tomar no cu, satisfazendo seu Chico, ficaram putos queriam entrar acabar com aquilo, mais acho que o tesão da rola falou mais alto, meu irmão mais velho Celso falou para o meu irmão do meio Pedro, vamos para casa que quando ele chegar vamos ter uma conversa seria com ele, foram para casa, quando eu cheguei ele me chamaram para dar uma volta, eu fui nem desconfiava de nada, foi então que me levaram para a casa onde guardamos as sementes e lá os dois começaram a perguntar onde eu estava, com que, o que estava fazendo, eu disse que estava na casa de Carlos e Roberto, eles me perguntaram o que estávamos fazendo lá, eu disse brincando de bola, um olhou para o outro, disse que eu estava mentindo, que eles estavam com Carlos e Roberto na cidade e que passaram pela casa de seu Chico e olharam pela janela, nessa hora acho que desmaiei, pois quando acordei estava deitado sobre o feno, os dois do meu lado me passando água, comecei a chorar, eles disseram que tinham visto eu metendo com seu Chico, então contei tudo a eles, eles queriam matar seu Chico por ter molestado Ritinha e de me fazer de mulher, eu disse que seria um escândalo, que todos iam me maltratar, eles perguntaram se eu gostava de meter com seu Chico, eu disse que no inicio não, mais que agora já estava gostando e até gozando muito, quando olho, meus dois irmãos de pau duro, fico sem graça, mais ao mesmo tempo excitado, então eu peço para ver as picas duras deles, pois só conhecia elas molinhas, e não foi uma surpresa maravilhosa, meus irmãos tinha duas piroconas enormes, a do mais velho ainda era maior que do seu Chico, pedi para segurar eles deixaram e a partir daí a putaria rolou geral , mamei os dois e chorei muito levando a pica de Celso e Pedro, e a partir daí toda noite dormia na cama ou de Pedro ou de Celso que se revezavam comendo o cuzinho da nova irmãzinha que eles arrumaram, com o passar do tempo minha mãe ficou muito doente e veio a falecer, ficando só eu meu pai e meus dois irmãos que já eram meus homens também, com isso passei a fazer todo o trabalho que minha mãe fazia, como lavar cozinhar e a noite servia de mulher para meus irmãos e a tardinha não deixava de dar aquela passadinha no seu Chico, mais agora não com tanta freqüência, acabei contando a ele que meus irmãos descobriram tudo que queriam matar ele, ele aceitou eu ir quando quisesse para ele poder gozar gostoso, minha vida tinha mudado muito desde que vi Ritinha com seu Chico, estava feliz com meus irmão me tratando com carinho, mais não era fácil aguentar dois homens jovens cheios de tesão, os hormônios a mil, eu sofria um bocado embaixo dos dois, mais estava satisfeito, foi então que vi meu pai começar a ficar muito triste, só trabalho, começou a beber, então um dia ele chegou muito bêbado, os meninos não estavam, tinham saído para um futebol, levei ele para o quarto ajudei ele a tirar a roupa, quando vi meu pai de cueca, é que pude ver de onde Celso e Pedro puxaram aquele cacetão, papai tinha um volume enorme, fiquei excitado, mais com vergonha de estar pensando em meu pai como homem, estava com muita pena dele, sabia que era falta de mamãe, pois todos nós sentíamos, então deixei ele deitado fui para cozinha fiz tudo que tinha para fazer, voltei ao quarto olhei papai deitado com aquela cueca estufada para cima, acho que o tesão ainda era maior nessa hora, pensei, pensei, então fiz uma loucura, peguei uma camisola que tinha guardado de mamãe, coloquei uma tanguinha que seu Chico me deu, fechei a janela as cortinas, peguei uma coberta cobri papai, me deitei ao lado dele, puxei ele de lado fiquei de costas para ele, arriei a cueca dele, pulou um pirocão quase duro, passei cuspe punhetando, sentia a respiração de papai forte, o pau agora estava bem duro, puxei a calçinha para o lado passei cuspe no meu cuzinho encaixei o pirocão de papai e fui empurrando minha bundinha para trás, o cabeção começou a entrar, senti papai dar um suspiro, quando olho, vejo ele de olhos abertos olhando para mim, fico parado, com medo, ele me empurra um pouco para o lado e monta em mim, sinto a pica fincar o meu cu, vai entrando ele começa a meter, a me beijar o pescoço, morder minha orelha, me chamando de meu amor, chamava o nome de mamãe, eu chorando baixinho de emoção mais também de dor, papai metia fundo aquele pirocão estava terminando de me arregaçar as últimas preguinhas que existiam ate que gozou me inundando com muito leite quente acumulado, saiu de cima de mim e caiu no ronco, me levantei fui para o banheiro, me lavei meu cu estava em frangalhos, logo em seguida meus irmãos chegaram, comeram, viram que papai estava dormindo de pileque, me levaram para o quarto para fazer a festinha de todo fim de semana, mais eu não estava agüentando, o pirocão do papai realmente tinha me arregaçado, tive que contar a eles, o que se passou eles ficaram emocionados e nos abraçamos nos beijamos, mamei ate eles gozarem e fomos dormir, no dia seguinte papai disse que tinha tido um sonho lindo com mamãe, nós rimos, ele foram para a plantação eu continuei em casa, lá eles contaram minha história toda a ele, desde o inicio de seu Chico, deles me comerem e de eu ter servido de mulher para ele a noite, ele ficou meio confuso, mais na hora do almoço ele veio ate em casa, me chamou no quarto me abraçou, e quando me deu um beijo na boca, pronto, sabia que ele estava sabendo de tudo, em seguida ele mandou eu vestir a mesma roupa de ontem, eu vesti, e ele me amou ali no quarto como se eu fosse sua mulher, desde então vivemos felizes na fazenda eu e meus três homens, o meu irmão mais velho esta no exercito, e as vezes trás uns amigos soldados aqui na fazenda para descansar, rsssss, mal ele sabe que dou uma canseira nesses amiguinhos dele, dou muito no riacho, cada semana vem mais soldados aqui, mais dou conta do trabalho aqui de casa e meu descanso e meter rsssss

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.





Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


22311 - O PORTEIRO - Categoria: Gays - Votos: 20
22346 - Quem manda ser curioso - Categoria: Gays - Votos: 17
22351 - Apostando no videogame acabei dando - Categoria: Gays - Votos: 9
22357 - Primeiro a vingança depois o que ficou foi amizade - Categoria: Gays - Votos: 5
22391 - continuação de apostei no videogame acabei dando - Categoria: Gays - Votos: 8
22392 - Carlinha a safadinha - Categoria: Incesto - Votos: 4
22393 - bruninha e seu irmão - Categoria: Incesto - Votos: 4
22394 - Rodriguinho muito mimado - Categoria: Gays - Votos: 6
22395 - Fui tomar sorvete acabei chupando e dando - Categoria: Gays - Votos: 8
22399 - Sou uma cunhadinha safada - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
22404 - Minha primeira vez ja maduro em um gangbang part1 - Categoria: Gays - Votos: 7
22405 - Minha primeira vez ja maduro em um gangbang final - Categoria: Gays - Votos: 6
22535 - Martinha safadinha - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
22599 - Me dei bem no carnaval - Categoria: Gays - Votos: 4
22606 - O dia que trai meu marido - Categoria: Traição/Corno - Votos: 12
22651 - Sou um cara de sorte - Categoria: Gays - Votos: 8
22655 - minha primeira transa foi com minha prima - Categoria: Lésbicas - Votos: 6
24860 - Meu melhor amigo meu amor - Categoria: Gays - Votos: 7
32185 - filho de técnico sofre - Categoria: Gays - Votos: 13
40793 - grupo de pagode - Categoria: Gays - Votos: 10
43994 - os meninos do reformatorio - Categoria: Gays - Votos: 42
44106 - Quando tudo começou primeira parte - Categoria: Gays - Votos: 5
44107 - Quando tudo começou segunda parte - Categoria: Gays - Votos: 4
44318 - continução dos meninos do reformatório - Categoria: Gays - Votos: 21

Ficha do conto

Foto Perfil allex3
123mudei

Nome do conto:
Quem manda ser curioso final

Codigo do conto:
22349

Categoria:
Gays

Data da Publicação:
18/11/2012

Quant.de Votos:
9

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


o irmão da minha melhor amiga conto eroticomarido na cadeira de rodas esposa fode caralhudo na frente dele senta reboladei minha bunda para meu irmão gozarconto erótico gay de um menino que deu pro time do colégiodei a xana contos eroticosporno ladocwbdei a buceta meu filho na frente de todoassaltante fudendo minha tia tezuda contos heroticoscontos eróticos inversão chantagemvídeo de sexo cazeiro com novinha tranzando co padrasto. e ele fala pra rla fica quieta para mae não ouvircontos eroticos sou coroa e virei putinha do pai do meu genroquadrinhos de desenho pornocontos eroticos comi a cunhada bebadacontos eroticos mulher de saia sozinha no cineporno e da a buceta para variosminha vizinha safada casada helenicemulher espiando roludo balançando a tora e nao aguenta bate uma punheta pra eleputa só dos amigos contos eroticocomendo empregsdamulher fodendo com o ginecologista frente ao seu marido e ele nao reparaLapis na buceta contoa liga da justiça pornna farra com a esposa na pescaria contoconto de comi o cu de um novinho que chorou com a pica no cuvelho com mau hálito beijando neta pornocontos de machos roludos dominando cornos das esposascontos FuiComidaPeloMeu pastortripla penetração na buceta mulher estrupadda virgem por tres belo sexocontos eroticos do meu filho dotado me comendocomi minha irma bebadacontos eroticos meu padrasto mim criou para ser escrava sexualutimoscontoshq porno negrocontos eróticos de duas irmãs vizidade sei cou o cãocontos fodas oficinaconto ele com um pau enorme,doendo mais foi gostoso desconhecidovideos caseiro verdadeiro amante pauzudao dotado falo que so iria esfregar mas coloca no cu da mulher que grita de dorcontos gay com montadoresa veterinaria. contos heroticosjatos fortes de porra no fundo da minha bucetameu sogrou chupou minha buceta peludinhachantagem contos eroticosconto erotico meu filho novinhocontos erot.sogra gostosa na piscinabanda desenhada safada quadradinhadepilando meu irmao pirocudo contos e fotosquadrinho hentai de torturando a busceta com o chicotecontos com fotoscfm casadaspreguinhas da tia solteira curiosa contosconvenci minha esposa dar para outros homenscontos eroticos dei a buceta pro vigilante do terminalcontos heroticos de irmã chantageada pelo e teve q dar pra elevideos de estrupei minha tia de vedade e goze dentro do priquito dela so gozada dentrocasada sedusida pelo novinho pintudo contosconto eroticoNovinha deixando o primo loukocontos eroticos contratei gay me arrependicontos eróticos gay guarda florestalfudeno a sobrinha cheirando a leite vídeos caseirosquadrinhopornotraicaocdzinha salto alto e corpetecontos eróticos de patricinhas trasando com os paiscontos de traiçãoas novimhas mostrando ogrelinho duro masturbandocontos padrasto submissão comtos eroticos tomando banho com meu filhoobrigado a baixinha da bunda e dois filhos condição de shortinho filme pornôcontos com fotoscfm casadasContos erotico mim fantaziei de cachora para meu filhocontos cfm com fotos esposas arrombadasfuncionaria virgem da sua buceta e seu patrão agiota conto eróticoas duas bundinha para o macho contomeu amigo funkeiro conto gaysempre fico com tesáo quando saiu com minha esposa e ela mostra os seios para um homem estranho e deicha ele chuparos.fotos e contos.Sou magrinha e gosto de rolas enormes contos eróticosconto erotico gravida dos piõesvidio porno negro a desvirginar nifetinhascontoeroticoenrabadacontoerotico sou uma mulher muito vulgar