minha vizinha vovo



Bom irei relata mais um conto para voces nessa madruga eu e uma vovo.e espero que gostem pois realmente e real.

bom essa noite eu estava chegando em casa meu vizinho luiz estava fazendo um churrasco na casa da avo dele que e minha vizinha,quando chegando no meu portao ele me chamo luiz vem toma uma com agente,falei nao to cansado mais valeu,ele falo so uma nao mata niguem so estava ele avo dele marcela e juarez sao parentes da dona itala que e a vovo a minha vizinha,entao fui toma uma com eles e quando fui olha o freeze estava lotado de cerveja e vinho e comecei a toma umas com eles e a vovo estava chapando o melao alis todos estava no grau ja vovo coloco musica sertaneja ja era 00:30 e eles falaram que ja iria embora entao falei blz tbm vo ja esta tarde e comecei ajuda a lipa as coisas a guarda limpamos tudo e todos foram embora agradeci pela cerveja dei um abraco na vovo pois era seu aniversario e eu nao sabia e logo fui para casa minha casa e a dela e separada pelo muro baixinho pulei o muro e fui para minha varanda e entrei para toma banho meu banheiro da direto no quarto da vovo fui abri a bascula e vi dona itala so de toalha indo para o banheiro fui tomei meu banho fui deita na cama quando de falta do meu celula ja era 02:00 liguei para sabe se tinha deixado na casa da minha mae e pela minha surpresa quem atendeu foi dona itala falei desculpa acorda a senhora nao sabia aonde tinha deixado meu celula poriso que liguei desculpa dona itala a disse que isso nao to dormino nao tomei um banho e fiquei sem sono to bebendo aqui ainda na sala ela disse se quiser levo o celula no muro e voce pega fala blz to indo ai ela disse mais ta chovendo vamos nos molha nessa chuva falei para ela vo pega na varanda vo de sonbrinha e a senhora nao se molhe pode se, se nao amnha pego com a senhora e falo nao pode vi vem pela varanda dos fundos na frente nao tem cobertura na varando da frente e assim fui de samba cansao do jeito que eu estava quando fui pula o muro cai na possa dagua me molhei todo e ela fico rindo e tbm comecei a ri fui ate a varanda e pedi desculpa por imcomoda ela ela falo vo pega uma toalha pra voce,disse nao precisa dona itala vo sim espera essa chuva pelomenos diminui entao ta ela foi pego a toalha e me deu disse entra sai dessa friagem vai fica gripado quando entre que fui repara que ela estva de camisola mais ai tudo bem ela viro e disse que toma uma cerveja ate a chuva passa disse ok ficamos bebendo quando fui ve ja era 03:40 da madruga e ja tinhamos bebido 17 guarrafa ja estava chapado e ela tbm ela comeco a conto do sr fabio que tinha falecido a 7 anos e que adorava visita porque ficava sozinha e ja era uma velha de 69 anos e nao tinha amigos que ia na casa dela pra bebe e bate um papo falei a quando fo assim a sr me chama sempre qui quiser ela viro e disse o menino igual a voce nao vei perde seu tempo batendo papo com uma velha tem um monte de garota gostosa pra voce sai comendo ai nao vai perde seu tempo batendo papo comigo, na mesma hora fiquei pensando que ela tinha falado aquilo ragado assim ne virei e falei para ela a dona itala tenho 23 anos e nao quero namora agora quero curti e ela me chamo para i para a sala quando fui para sala ela ligo a tv falei dona itala nao vo senta no seu sofa porque meu samba cansao esta molhado vai molha seu sofa vo embora ate mesmo porque voce deve esta querendo dormi ne ela disse tire a bermuda e fica enrolado na toalha na hora fiquei meio assim assustado com aquilo ela disse me sua bermuda que vo coloca atras da geladeira para seca um pouco disse nao que isso nao precisa nao quero da trabalho para voce ela disse para com isso menino trabalhho nehum entao perguntei aonde era o banheiro para tira a bermuda ela dissi la perto da conzinha mais pode tira aqui mesmo ja vi muito homems pelado pode fica tranquilo fiquei todo sem graca disse nao que isso vo ao banheiro fui ate o banheiro e dei a ela meu calsao e ela foi coloca atras da geladeira e ela volto e sento no na poltrona em minha frente e comeco a me pergunta com oque eu trabalhava e tal se tinha namorada essas coisas foi quando ela me pergunto voce so me deu seu cansao para coloca atras da geladeira e sua cueca fiquei sem graca e falei nao estou de cueca apenas de calsao ela disse a porque acho melhor para dormi fico mais confortavel e ela coloco uma perna em cima do braco da proltrona e fui ao benheiro apra mija pois bebe cerja e foda da vontade de i ao benheiro toda hora quando voltei voltei de frente para ela foi quando vi que ela estava sem calcinha mostrando a bucetao dela finji que nao vi nao mais comecei a fica de pau duro na mesma hora e fiquei crunza as pernas para ela ve meu pau duro estava comedo de ela acha que eu era um tarado seila foi quando ela derramo o copo de cerveja no colo dela ela falo me sua toalhe antes que caia na poltrona falei vo ate a cozinha pega um pano ela nao me essa toalha ai mesmo mais dona itala vo fica pelado ela nao tem problema depois pego outra pra voce peguei e virei de consta e dei a toalha para ela pego a tolha e disse porque esta de consta pra mim a porque to sem graca e para de bobeira sou uma velha e nao uma freira pode fica tranquilo nao me importo vejo meus netos pelado ate hoje sentei no sofa com a mao emcima do pau foi quando ela viu e falo porque esta de pau duro disse e vontade de i ao benheiro para mija ela pego e foi no banheiro epara toma banho e disse para ela dona itala ja vou ta vo pega minha bermuda na geladeira ela disse pega pra mim no meu quarto uma camisola que esta atras da porta do quarto pra mim e fui pelado peguei e so com o braco coloquei dentro do banheiro para entrega ela disse entra assim na da para eu pega entrei com o rosto virado pra cozinha e disse entra mais nao tem como eu pega para entra mais tinha que olha foi quando vi ela pelada com aqueles peitos grandes e rosados a buceta so com uma listrinha de pelinho fiquei de pau duro denovo entreguei a ela a camisola e peguei a toalha rapidamente e me enrrolei e sentei no sofa ela sai do banheiro e vi ela vindo so de camisola branca quanse trasnparente e vios bico do peito durinho como farol aceso disse estou indo embora ela disse pode fica nao vo me deita agora nao e foi no quarto e disse olha tem uma bermuda aqui de durmi do meu esposo que faleceu se nao se i porta pode pega logo disse nao tem problema e fui pega perguntei a ela se tinha problema eu toma banho e falo se fo toma banho quente pode toma ai no meu quarto esse aqui e so banho frio fui ate o quarto dela entrei no banheiro sem porta so tinha uma curtina que separava o chuveiro do vaso quando vi no quanto do banheiro um vibrado azul um piru de borracha finje que nao tinha visto continuei tomando banho foi quando ela entro e puxo a curtina e disse qui ta a tolha sequinha e meu deu e fui me enchugando e quando sai do quarto o calsao estava em cima da cama dela com a porta do quarto fechado e a cerveja em cima do criado fui ate a cama peguei a bermuda coloquei e ela fico olha seta aqui na cama e foi quando ela ligo a tv em canal de sexo ta vendo so tenho isso para me diverti rindo foi quando eu falei e eu vi seu brinquedinho no banheiro a meu vibrado ue quem nao tem se arranja com de borracha e tava freio pra casete e ela disse entra aqui de baixo da coberta e quando entrei ela estava peladinha e fico vendo a putaria na tv e disse dona itala vo embora ja sao 04:00 e voce vai descansa agora ja vou indo foi quando ela pego e fico passando a mao no meu pau e falo nosso seu piru e melhor do que meu vibrado o seu e quente e esta pusando igual a um coracao e ela comeco a fazer pra cima e para baixo e quando fui ve a sua outra mao estava na buceta disse vamos para ela calma nao vo fala pra niguem so quero ve seu pau latejando e foi quando ela tiro o lensou e comecou a chupa ai nao aguentei entrei no clima manda va ela chupa sua safada vai sua puta velha e assim que gosto comesei a passa a mao na buceta dela e sentia ela toda melada mandei ela chupa mais sua safada vai vai vai e coloquei ela deitada na cama mandei ela arrenguanha as pernas e comecei a chupa ela toda ate o cuzinho chupe e ela fico doida vem mete seu pau vem e comecei a mete devaga ela disse vai com forca vai fui e coloquei minha pica de 21 cm com tudo e ela fico doida toma varada e ala nao para vai nao vai vai e disse vo goza ai que comcecei a mete mais rapido cada ves mais e ela cravo as unhas nas minhas cosntas e gozo mandei ela fica de quatro e metia na sua buceta e colocava o dedo no cu dela ai que ela piro vai safado come a veia vai vai goza gostoso e assim nao aguentei e goze quando terminei de goza ela comeco a chupa meu pau todo melado e disse agora voce vai come meu cu e ela comeco a me chupa e fiquei de pau duro denovo e coloquei no seu cu toma pica ela gemia igual a um gatinho vai novinho vai novinho come meu cu vai vai e quando ela sentiu que eu ia goza tira a bunda do meu pau e começo a me chupa goza na minha boca foi quado coloquei meu pau ate na guarganta dela e gozei depois virei o copo de cerveja fomos toma um banho ela viro e disse sempre me masturbe com o vibrado pesando em tida um dia que belo presente que guanhei que delicia e fico passando a bunda no meu pau ja era 05:40 tinha que i trabalha e assim fui pra casa e to acordado ate agora viajando nela que vovozinha mais deliciosa poriso que amo as coroas e vovozinhas ....que delicia.

                                

Foto 1 do Conto erotico: minha vizinha vovo

Foto 2 do Conto erotico: minha vizinha vovo

Foto 3 do Conto erotico: minha vizinha vovo

Foto 4 do Conto erotico: minha vizinha vovo

Foto 5 do Conto erotico: minha vizinha vovo


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario morenobaiano

morenobaiano Comentou em 26/07/2013

Adorei seu conto meu brother qria ter uma sorte de ter uma vizinha vóvó tbm, parabéns.




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


19539 - minha avo me pegando - Categoria: Coroas - Votos: 7
19784 - A vizinha da minha avo maravilhosa - Categoria: Incesto - Votos: 4
20600 - Amiga da minha vovozinha - Categoria: Incesto - Votos: 5
21229 - a vovozinha do meu amigo - Categoria: Incesto - Votos: 10
26606 - a avozinha do meu amigo - Categoria: Incesto - Votos: 9

Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico marcelin1234

Nome do conto:
minha vizinha vovo

Codigo do conto:
19570

Categoria:
Coroas

Data da Publicação:
28/08/2012

Quant.de Votos:
6

Quant.de Fotos:
5


Online porn video at mobile phone


contos morando com o corno e a puta com fotosultimos contos sadoadvogadascontoeroticosconto erotico iniciante gayboquete feriado relatosrelatos de fragantes com novinhas fazendo sexoconto erotico grupal xingando bucetudacontos eroticos com fotos e novinhasencoxada gostosas no metro sp conto erotico conto erotico em quadrinhõcontos eroticos minhas filhinhas e as filhimhas da vizinhazoofilia com cachorrpConto feliz por engravidar a sobrinhaa minha cunhada e o cavalaoChupei a buceta da minha sogra çontoparque bacacheri conto eroticoencoxatris .sexohorney+motherd+xxxconto erotico marido broxa vira corninhoultimos contos sadoconto erotico de calcinhafotos de mulher abrino finjen abuseta peladaconto de buceta de namorada traindo com camionerocontoeroticoirmãoscarinhos e posicões que travestis adoramtravesti novinho d********* pela pedalinhoconto erotico gay cine pornoContos eroticos namorado leva namorada para conhecer pintudoContos eroticos encoxei gostoso na baladacontoeroticoputasquiquei até gozarContos eronticos vendedor de cocaca na praiacoroa safadatravesti contoFotos incesto com filho e noraconto erótico chocolate enfiado no ânuscoto erotico equadrinho de mae vadiaconto erótico gay cheiro de rolametendo com cachorro no dia fertil conto eroticofilme amiga convida amiga para funder com seu sogroconto de corno bêbado e amigo mulher timidaconto erotico filho encoxa amaeconto gay discretamenteContos metendo na titiaultimos contos sadomazoquistacontoerotico so.no.bumbum tiacontos eroticos madura meu cu gosta de piça ggcontos eroticos de mae lesbicas esfregando a xoxota na filhaquadradinho erotico.comcaipira dano abuceta para goratao come ela e enchela de galaporno de marrentas violentadasminha filha nao passa de uma cadela contos insestofilha pegsno na pica do padrastrocoto erotico craudinha e seu irmáohistórias em quadrinhoque de incesto filho e mãepokemon chupando bucetaporno quadrinhosassistir porno turminha do chavescontos eroticos chupei meu cunhado do lado da minha irma dormindoesposa rabuda na dp com amigos contosultimos contos sadocomtos eroticos fui rouba e fudi a dona da casaa minha cunhada quadrinho pornoputa do meu meio irmão conto eroticocontos eroticos velho pirocudo e taradocontos eroticos de neta, avo, sogro ,sogra e tia norafoto coroa sesentona deliciacontos gay nóiaconto sexo casada 1° foi com meu cunhadocontoeroticoatrevidaconto casadinha meu marido tem um amigo que todos chamam ele de jumento e deu para ele ele mim arroboupapaifode filhinha todas noite no seu quarto conto eroticovelho dado cu p negãoContos erotico madrasta de fio dental com bucetao cabeludaContos eróticos abusando do cu apertado da esposa a força